NOS CAMINHOS DA VIDA

Somos gratos quando alguém caminha conosco

É bom ter mãos entrelaçadas, desejos comuns

Mesmo que nem sempre o outro esteja todo o tempo conosco

Mas que, de onde estiver, esteja a nos dar a mão

O apoio, a confiança, a proteção

As pegadas podem não estar impressas ao nosso lado

Mas as sentimos marcadas em nós como digitais

Não como fiscais ou cerceadores da liberdade

Mas como segurança, porto seguro, refúgio

É bom poder estar acompanhados nessa marcha

Por alguém que se faça tão presente em nós

Que mesmo quando ali não estiver

Seja notado por todos

Mas, principalmente, sentido por nós

Qualquer caminho torna-se prazeroso

Se temos conosco bons caminhantes…

Alda M S Santos