SORRINDO VAI CHORAR

“Um dia a areia branca seus pés irão tocar”

Te farão lembrar que nem tudo na vida é dureza

Que a alegria pode estar em apenas poder caminhar

Numa areia macia, refrescante

Sentir o vento nos cabelos, a brisa que arrepia a pele

Que desperta boas sensações

“E vai molhar seus cabelos a água azul do mar”

Você irá correr feito criança sapeca

Chutar água, mergulhar, saltar ondas

Irá lavar-se de toda negatividade

Purificar a alma, guardar apenas o que é bom

Buscar um abraço que acalenta, que arrepia

“E ao se sentir em casa sorrindo vai chorar”

E vai querer ficar…

Alda M S Santos