BRINQUE!

Quando tudo parecer difícil

Não leve a vida tão a sério

Brinque!

Quando tudo estiver sisudo, coberto de nuvens escuras

Seja seu próprio sol

Brinque!

Quando a vida parecer estagnada, sem movimentos

Brinque!

Quando a tristeza quiser tomar conta

Volte a ser criança, balance, gangorre

Brinque!

Quando alguém brincar com você, e não com seus sentimentos

Brinque!

Quando o mundo te fechar a cara

Sorria! Brinque!

E convide-o a brincar com você!

Alda M S Santos