FRONTEIRAS

O amor não possui fronteiras

Pela própria essência é um invasor 

Nasce rompendo o invólucro do próprio ser

Após isso, invade qualquer margem

Avança qualquer obstáculo, 

Natural, geográfico, psicológico

Lógico, ilógico, real ou imaginário. 

O amor possui natureza de desbravador

Desconhece limites… 

Sorte nossa!

Alda M S Santos