CORAÇÕES TRANSPARENTES

Ser transparente é ser corajoso

É também ser acusado de tolo

Sempre tão aberto, tão claro, 

Não deixar dúvidas, doar-se…

Doar abraços, carinhos, colo

Proximidade, atenção,

Sentimentos, emoções…

É exaurir-se de tanta sinceridade e doação, 

Mas encher-se de tanta gratidão e prazer

Atrair sentimentos sinceros

Mas atrair também aproveitadores,

Aqueles acostumados à falsidade, 

Adeptos dos “joguinhos”. 

Amor bom é amor que não se esconde, 

Que se orgulha de aparecer.

Amor que a gente gosta é amor sincero

Amor que a gente precisa é amor transparente.

E isso não é ser tolo!

Isso é não perder tempo com o que não vale nosso tempo.

Alda M S Santos