HOJE É DIA DE AMAR

Há dias que são “criados” com o intuito de homenagear

Dia das mães, dos pais, das crianças, da mulher,

Dia dos namorados…e por aí vai.

Movimentam o comércio de todo tipo.

Quem tem ou é mãe, pai, criança, mulher, namorado

Nem sempre se sente homenageado ou valorizado

Porque a valorização é coisa do dia-a-dia, não de uma data estipulada.

Muitos sorrisos amarelos, muitos “obrigada”, “não precisava”…

Daqueles que não atingem o coração,

Simplesmente porque são pontuais, de um dia só.

E quem não tem ou não é mãe, pai, namorado

Sente-se à parte, triste, errado, abandonado, imperfeito.

E há os que fingem não se importar, alheios, mergulham em si mesmos.

Quero que todos os dias sejam especiais

Para mães, pais, mulheres, crianças, namorados…

Ou para quem não é nada disso também!

Quero um amor verdadeiro e demonstrado para todos sempre!

Hoje, e todos os outros dias, é dia do amor, seja ele qual for.

Alda M S Santos

#carinhologos