SORRINDO, VIVENDO…

Como a criança que sorri tensa

Ao ser lançada para o alto

E, ao cair, repousando nos braços do pai,

Pede para ser lançada novamente,

Assim vamos vivendo…

No alto, embaixo, sorrindo, tensos,

Mas sempre vencendo os medos,

Sempre buscando confiar,

Sempre tentando nos divertir,

Sempre buscando o amor…

Alda M S Santos