E A NATUREZA CHORA…

Quando a Natureza parece chorar,

Mergulhada num cinza profundo, 

Fria, molhada, ventania, silêncio, outono,

Convida-nos à reflexão, ao recolhimento…

Mostra-nos que em toda estação há beleza,

Incita-nos a aproveitar as possibilidades de cada uma,

Acreditar que há um círculo girando, sempre

Escolhemos o que levar, o que deixar,

E que tudo passa, bom ou ruim,

Basta saber esperar!

Alda M S Santos